A Dominância no DISC

A Dominância dentro do DISC - Propósito MAIOR

Tenho falado muito sobre o DISC nas empresas, startups, reuniões, rodas de amigos etc.
Explicar essa metodologia é fácil, principalmente usando exemplos. Mas nos últimos dias senti a necessidade de explanar melhor esse assunto. Vamos lá!

A Dominância no DISC

Dominância caracteriza-se pelo seu foco na lógica, por ser objetiva, cética e desafiante.
Mostra atividade, com ritmo rápido, dinamismo, audácia e asserção.

Despindo a análise de juízos preconcebidos de valor, procura decisões, superação de obstáculos e resultados. Poderíamos dizer, em poucas palavras que o primeiro impulso de alguém caracterizado pelo D é tomar o controle das situações e atingir resultados.

Não à toa, são tais características que possivelmente apresentam suas principais contribuições às organizações: orientados por desafios, tomam a iniciativa, são inovadores, visionários e determinados, além de capazes de tomar decisões rapidamente.

Não poucas vezes, a primeira impressão tida deste perfil poderia caracterizar por palavras como raivoso, nervoso, brusco, sem tato, ditatorial, egoísta, egocêntrico, agressivo, entre tantas outras palavras com certa carga pejorativa.

Não se trata simplesmente disso, mas, pode sim, sê-lo. Sua vontade de superar desafios, ser pioneiro e conquistar grandes realizações podem tornar um alto D impaciente, brusco, ditatorial, com certa falta de tato e, até mesmo, podem leva-lo à sobrecarga de trabalho e metas pouco realistas.

Buscando evitar estes potenciais problemas, é importante que o alto D trabalhe para identificar-se com o grupo de trabalho, conhecer os limites de seus projetos e posição, que aprenda com as experiências que vivencia, controle seu ritmo de trabalho, buscando adequar-se à equipe e à precisão que cada projeto exige e, por fim, desenvolva a sensibilidade necessária para com as necessidades dos demais.

Infere-se ainda, destas características, que, quando sob stress, tendo o alto D à agressividade, egoísmo e a tornar-se por demais exigente. Seu ambiente predileto, desta feita oferece-lhe desafios, liberdade, autonomia, pouca rotina, supervisão e exigência por detalhes, além de dar-lhe substancial poder decisório.

A chave para a comunicação na Dominância

Tom e volume da voz:

Tom de voz:
  • Forte
  • Claro
  • Confiante
  • Rápido
  • Pouco emotivo
Volume de voz:
  • Enérgico
  • Alto

Linguagem corporal:

  • Mantenha distância
  • Aperto de mão firme
  • Olhos nos olhos
  • Pouca gesticulação
  • Inclina-se para frente

Palavras propícias:

  • Vencer
  • Liderar a área
  • Resultados
  • Agora
  • Novo
  • Desafio

Palavras que não funcionam:

  • Na minha opinião
  • Siga ordens

Características

Principal medo: que se aproveitem dele


Para comunicar-se: espera que sejam francos


Palavras-chave: ambiciosa, forte, decisivo, direto, independente e desafiante

Evite:

  • Enrolar ou bater papo
  • Perder tempo
  • Oferecer garantias que não poderá cumprir

Efetivo:

Para ser mais efetivo necessita:

  • Identificar-se com a equipe de trabalho
  • Ser consciente dos limites e regras de conduta
  • Aprender com a experiência
  • Ser mais paciente com as pessoas
  • Controlar seu ritmo de trabalho e relaxar mais
  • Maior sensibilidade às necessidades dos demais

Conduta:

Complementa-se com pessoas que:

  • Calculam riscos
  • Sejam cautelosas
  • Estruturem um ambiente previsível
  • Investiguem os fatos
  • Deliberem antes de decidir
  • Reconheçam as necessidades dos outros

Possíveis condutas sob stress:

  • Demandante
  • Agressivo
  • Egocêntrico
  • Egoísta

Ambiente:

Prefere um ambiente onde:

  • Tenha poder e autoridade
  • Possa expressar-se
  • Seja reconhecido
  • Obtenha resposta diretas
  • O trabalho não seja rotineiro
  • Existam oportunidades de desenvolvimento
  • Haja pouco controle ou supervisão direta
  • Existam oportunidades para conquistas individuais

Ausências

Possíveis deficiências:

  • Impaciente
  • Brusco
  • Exigente
  • Apressado
  • Ditatorial
  • Agressivo
  • Teimoso
  • Falta de tato/diplomacia
  • Metas pouco realistas
  • Sobrecarga de trabalho

Estilo

Um estilo D busca:

  • Resultados rápidos
  • Desafios
  • Ser competitivo
  • Tomar decisões rapidamente
  • Questionar o status quo
  • Liderar
  • Lidar com problemas
  • Solucionar problemas
  • Estilo direto de comunicação
  • Inovar
  • Ser persistente

Fortalezas

Prováveis fortalezas:

  • Decisivo
  • Iniciativa
  • Enérgico
  • Assertivo
  • Autoconfiante
  • Competitivo
  • Orientado por metas
  • Independente
  • Busca e aceita mudanças
  • Deseja vencer

Efetivo

Para ser mais efetivo precisa:

  • Identificar-se com a equipe de trabalho
  • Ser consciente dos limites e regras de conduta
  • Aprender com a experiência
  • Ser mais paciente com as pessoas
  • Controlar seu ritmo de trabalho e relaxar mais
  • Maior sensibilidade às necessidades dos demais

 

 

Dominância x Dominância

Entendem-se bem. Competitivos, diretos e autoconfiantes, entenderão o desejo por ação um do outro. Ambos precisam de desafios As discussões entre ambos devem ser abertas, dado que ninguém ali teme conflito. Em função de orientação por tarefas de ambos, terão de esforçar-se para conscientizarem-se e cuidadosamente ouvirem um ao outro.

Dominância x Influência

Entendem-se bem. Compartilham o sentido da urgência (rapidez), gostam de correr riscos e possuem um forte desejo de mudar seu ambiente. Ambos têm em vista a grande figura.

Cada um ao seu modo, são ambos extrovertidos e poderão trabalhar bem juntos se o alto D diminuir um pouco o ritmo e adicionar alguma diversão ao trabalho para motivar o alto I. O I pode, ainda, precisar de algum tempo a mais na tomada de decisão.

Dominância x Estabilidade

Não se entendem bem. O D tem a tendência de impor-se sobre o S e terá de significativamente diminuir o seu ritmo, uma vez que o alto S não gosta de correr riscos e precisa de tempo para tomar decisões. Desejando harmonia, o alto S poderá acompanhar o alto D, apenas para manter a paz. O alto D precisará trabalhar muito duro para efetivamente ouvir e construir a confiança necessária para que o S verbalize suas preocupações.

Dominância x Cautela

Não se entendem bem. Um é rápido, o outro opera em ritmo moderado. Se fará necessário muita adaptação para melhorar a comunicação entre ambos. O maior desafio do alto D será prender-se aos fatos e diminuir o ritmo. Terá ainda de fornecer mais informações do que de costume, mas sem forçar ou tornar-se por demais pessoal. Compartilham o uso inteligente do tempo e a necessidade de controlar seu ambiente.

Saiba mais sobre as outras dimensões DISC

Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça o Teste DISC Gratuito da Propósito MAIOR

Categorias