A Estabilidade no DISC

A Estabilidade dentro do DISC - Propósito MAIOR

A tendência S é caracterizada pelo trabalho em equipe, preocupação com pessoas, cooperação e colaboração, mais do que a persuasão e a atividade.

A Estabilidade no DISC

São pacientes, empáticos, orientados por tarefas e pessoas, em geral, fáceis de se lidar, sempre abertos às questões e necessidades alheia. Além disso, lidam bem com procedimentos e processos bem definidos, preferindo itinerários claros e estável a improvisações.

Entretanto, tendo em vista também estas qualidades, podem ter dificuldades para estabelecer prioridades, hesitar e temer mudanças. Pois, muito estáveis e de alguma maneira mais passivos e reflexivos, preferem a estabilidade a incerteza e variação.

Têm como importantes trunfos sua lealdade, alta organização, perseverança e trabalho em equipe. Mas, como em qualquer tendência, estas mesmas qualidades ímpares, se não utilizadas com certo cuidado, podem levar à certa teimosia, dificuldade para lidar com mudanças, demasiada leniência e uma tendência a evitar controvérsias, mesmo quando necessárias.

Tendo certos cuidados o S pode ser:

“Um alto S soma muito valor a equipe. O alto S tende a ser um seguidor leal e um membro confiável da equipe. Com suas habilidades para construir relações próximas, pode conseguir manter a equipe unida em momentos difíceis.”

A chave para a comunicação na Estabilidade

Tom e volume de voz

Tom de voz:
  • Baixo
  • Caloroso
  • Detalhista
  • Estável
  • Lógico
Volume de voz:
  • Calmo
  • Metódico

Linguagem corporal:

  • Relaxado
  • Metódico
  • Inclina-se para trás
  • Contato visual amigável
  • Pequenos gestos

Palavras que funcionam:

  • Passo a passo
  • Me ajude
  • Garantia
  • Promessa
  • Pense a respeito

Palavras que não funcionam:

  • Inovador
  • Jogar para vencer
  • Mudanças substanciais

Características

Principal medo: falta de segurança

Para comunicar-se:

  • Espere que sejam calmos
  • Ouça atentamente

Palavras-chave: metódico, sistemático, confiável, estável, relaxado, modesto

Evite:

  • Forçar respostas rápidas
  • Interromper
  • Confundir sua disposição para acompanhar com satisfação

Fortalezas

Possíveis fortalezas:

  • Autocontrole
  • Obediente
  • Persistente
  • Paciente
  • Ouvinte atento
  • Tranquilo
  • Compassivo
  • Afetuoso
  • Confiável
  • Disposto
  • Excelente membro de time
  • Metódico/Sistemático

Efetivo

Para ser mais efetivo necessita:

  • Comprometer-se com as mudanças
  • Valorizar suas ações
  • Reconhecer como o esforço pessoal contribui para o trabalho em equipe
  • Ter colegas com habilidades e personalidades similares
  • Promover a criatividade
  • Utilizar métodos mais simples e rápidos
  • Ter orientações necessárias para realizar seu trabalho

Conduta

Se completa com as pessoas que:

  • Reajam positivamente às mudanças
  • Se comprometam com mudanças
  • Assumam múltiplas responsabilidades
  • Possam trabalhar em ambientes imprevisíveis
  • Ajudem a priorizar o trabalho
  • Sejam flexíveis diante dos procedimentos

Possíveis condutas sob stress:

  • Indeciso
  • Despreocupado
  • Indiferente
  • Inflexível

Ambiente

Prefere um ambiente onde:

  • Seja mantido o “status quo”
  • O trabalho seja previsível
  • Dá-se crédito ao trabalho bem feito
  • O trabalho não interfira na vida pessoal
  • Seja apreciado
  • Possa identificar-se com a equipe
  • Os procedimentos de trabalho estejam padronizados
  • Não haja conflitos

Ausências

Possíveis deficiências:

  • Despreocupado
  • Complacente
  • Presunçoso
  • Indiferente
  • Inexpressivo
  • Evita confrontos
  • Apático
  • Pode dar-se por vencido facilmente
  • Passivo
  • Possessivo

Estilo

Um estilo S busca:

  • Trabalhar de maneira consistente e previsível
  • Demonstrar paciência
  • Ajudar os demais
  • Saber lidar com pessoas
  • Criar um ambiente estável de trabalho

 

 

Interação entre o DISC

Estabilidade x Dominância

Não se entendem bem. O D tem a tendência de impor-se sobre o S e terá de significativamente diminuir o seu ritmo, uma vez que o alto S não gosta de correr riscos e precisa de tempo para tomar decisões. Desejando harmonia, o alto S poderá acompanhar o alto D, apenas para manter a paz. O alto D precisará trabalhar muito duro para efetivamente ouvir e construir a confiança necessária para que o S verbalize suas preocupações.

Estabilidade x Influência

Não se entendem bem. Ambos orientados a pessoas, precisam de interação, mas cada um a sua maneira. Pelo S o alto I pode parecer entusiasta por demais, ou até forçado. Além disso, o senso de urgência e a disposição para correr riscos do S é menor. Para conquistar a confiança e construir um bom relacionamento, é preciso que o I diminua o ritmo, fale menos, escute mais, e pergunte o que 0 S sente, do contrário, não conhecerá deste as preocupações e angústias, que tende a internalizar.

Estabilidade x Estabilidade

Excelente combinação! A convivência entre ambos é tranquila e harmoniosa. Ambos são orientados a tarefas e pessoas. Entretanto, podem ter limitado seu potencial, pois ambos tendem a evitar riscos, além de poderem demorar na tomada de decisões

Estabilidade x Cautela

Entendem-se bem. Compartilham a necessidade por ambientes seguros, sem muitos riscos, além de harmonioso. Apoiam-se, ambos, em métodos e procedimentos, embora seja o C mais focado em dados, enquanto o S em pessoas. Tendo em vista mudanças no ambiente, ambos precisarão de dados fiáveis para que se faça desta uma experiência tranquila.

Saiba mais sobre as outras dimensões DISC

Compartilhe!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Faça o Teste DISC Gratuito da Propósito MAIOR

Categorias